Desafio Vencido

SDC17662

 

 

 

 

 

O desafio começa a ser vencido no momento que você decide participar. Dar o salto de fé para algo que não conhece, algo que assusta alguns, algo que você desconhece.

Mas o desafio não foi vencido ainda, isso é só o começo…

Você avisa seu chefe que precisará sair mais cedo (ou no horário) às terças e quintas. Você avisa seus amigos e familiares que os próximos 5 domingos você reservará exclusivamente para fazer algo por você (parece egoísta, mas são apenas 5 domingos dos cerca de 3.500 que você provavelmente terá na sua vida).

Mesmo chegando cansado do trabalho, mesmo com frio e chuva, mesmo com fome, você corre, se veste, coloca uma capa de chuva, bota a bike no carro ou já sai pedalando e encontra a galera no Ibira.

A cada treino você desenvolve, e muito, seu autocontrole:

  • Controle seu e na sua vida por reservar este tempo para você;
  • Controle do seu corpo, pois você vai cansar e vai doer (as pernas, as costas, o braço);
  • Controle da sua mente, pois precisará administrar tudo isso e ainda olhar para aquela subida íngreme, ou saber que ainda há muitos quilômetros para acabar, mas ainda assim, não descer da bike.

Mas o desafio não foi vencido ainda, isso é só o meio…

  • Você sente frio
  • Você sente muito calor
  • Você sente sede
  • Você sente muita fome
  • Você sente dor

E depois ainda pensa “o que é que eu estou fazendo aqui?!?!?!” ou o clássico “nunca mais me meto nestes encontros de loucos!!!!“, mas no dia seguinte… você quer SENTIR tudo isso novamente, pois sabe que assim está VIVENDO.

Sentar em um sofá e ver televisão é gostoso, mas o que você realmente SENTIRIA da vida se fosse só descanso e coisa fácil? E se não fosse assim, não seria um desafio, não é mesmo?

Mas o desafio não foi vencido ainda, você está quase lá…

Na noite anterior do grande dia você quase não dorme com o medo de perder a hora e ao ouvir o despertador já sente aquelas borboletinhas no estômago.

Encontra com todos os novos amigos e companheiros que te deram água, barrinhas e bananinhas, um empurrãozinho ou simplesmente um “Você vai conseguir”, e começa a descida!

Paisagens lindas que te mostram um horizonte, o qual dificilmente você lembra que existe no seu dia a dia e finalmente você chega à praia.

Cansaço, dor, fome e sede. Mas acima de qualquer outra coisa: SUPERAÇÃO.

Desafio vencido finalmente

Superação por pedalar 100 km? Por sair da sua casa de bike e chegar na praia? Na verdade todos os que treinaram neste último mês sabem que é muito mais que isso.

E todos venceram!

Meus sinceros parabéns por chegarem na praia, e por venceram seus desafios particulares, pois sei que cada um de vocês venceu algo a mais no domingo passado.

E que venham os novos desafios!

Carolina P Villa